As 10 melhores carreiras no segmento de esporte – O Globo

As 10 melhores carreiras no segmento de esporte

  • Psicólogo, coordenador de eventos e fisioterapeuta são profissões que começam a ganhar força no mundo esportivo – O Globo  

RIO – Ainda que seus sonhos de se tornar um famoso jogador de futebol ou um astro de qualquer outro esporte estejam longe de tornar-se realidade, uma carreira neste segmento ainda é possível, indica novo relatório do site de carreiras CareerCast.com. A lista foi preparada tendo como base o mercado de trabalho nos Estados Unidos, mas em tempos de preparativos para a Copa das Confederações, Copa do Mundo de Futebol e Olimpíadas aqui no Brasil, é bom ficar de olho na ampla gama de oportunidades de carreira que surgem no mundo esportivo, nas mais diversas áreas de atuação.

Segundo o relatório do CareerCast.com, algumas profissões são mais atrativas aos olhos do público, tais como locutores e comentaristas de rádio e TV ou técnicos. Há ainda os estatísticos do esporte, profissional bastante comum no mundo do atletismo, e fisioterapeutas, cujo trabalho se desenrola nos bastidores. Entre as carreiras que começam a ser reconhecidas no meio, segundo o CareerCast.com, estão coordenadores de evento e executivos de conta de publicidade.

“Ajudar a gerenciar um evento tão monumental como um Super Bowl, World Series ou uma Copa do Mundo, ou até mesmo uma pequena reunião de esportes, requer habilidades únicas, e é aí que entram os coordenadores de eventos. Seus esforços muitas vezes passam despercebidos, mas são cruciais para o sucesso da maioria dos eventos esportivos”, afirma Tony Lee, editor do CareerCast.com.

Psicologia do esporte é outra área não muito badalada quando se pensa em uma carreira neste segmento, mas que começa a aparecer. Segundo Lee, para quem está interessado em seguir esta profissão, o melhor caminho é um mestrado ou um doutorado.

Se você gosta de esportes, mas não tem as habilidades necessárias para se tornar um atleta profissional, confira as 10 melhores opções de carreiras desportivas, segundo o relatório do CareerCast.com.

Técnico/Treinador (salário médio de US$ 28.340/ano)*

Coordenador de eventos (salário médio de US$ 45.260/ano)

Fisioterapeuta (US$ 76.310/ano)

Gerente de relações públicas (US$ 57.550/ano)

Fotojornalista (US$ 29.130/ano)

Estatístico (US$ 72.830/ano)

Locutor/comentarista de rádio ou TV (US$ 36.000/ano)

Executivo de conta em publicidade (US$ 45.350/ano)

Psicólogo esportivo (US$ 68.640/ano – este é o salário médio para psicólogo geral)

Agente (US$ 64.790/ano)

* Salários médios anuais pagos nos Estados Unidos

 

Este post foi postado em Destaque, Educação por tucano. Marcador permalink.

About tucano

Marcos das Neves "Tucano". Professor há 42 anos, biólogo, sanitarista, especialista em administração escolar, gestão de conteúdo e logística da informação. Pai de quatro filhos e apaixonado pela esposa, família, educação e tecnologia educacional. Idealizador do Colégio Integrado Jaó, do Método Nintai de Sistematização de Conteúdo e, atualmente, Superintendente Executivo de Educação do Estado de Goiás.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *